Justiça suspende cobrança da taxa de esgoto da Copasa em Patos de Minas

O advogado Arnaldo Queiroz que está a frente da ação popular, fala da decisão liminar

por Odair Cardoso.
09/03/2018 - 18h23

Patos Já - Patos Já - Justiça suspende cobrança da taxa de esgoto da Copasa em Patos de Minas

Uma decisão liminar da Justiça que chega sete anos depois que a ação popular foi impetrada, teve parecer favorável a população de Patos de Minas, com a determinação da suspensão da cobrança da taxa de esgoto, que é feita pela Copasa. O advogado Arnaldo Queiroz que está a frente do caso, comemorou a boa notícia. 

A liminar concedida na tarde desta sexta-feira pelo Juiz Dr. Marcus Caminhas Fasciani, deferiu o pedido determinando que a Companhia de Saneamento de Minas Gerais, não mais realize a cobrança da taxa de esgotamento sanitário em todos os domicílios de Patos de Minas. Segundo o documento, caso descumpra a ordem judicial, a Copasa terá que arcar com uma multa no valor de R$ 50 mil, que deverá ser revestida ao Fundo Municipal de Saneamento.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG