Patos Já - Notícias de Patos de Minas e Região em Tempo Real


Justiça decreta prisão preventiva de homem que matou a ex-esposa e o cunhado

O pedido foi feito pelo Ministério Publico de Patos de Minas

05/10/2017 às 21h32

Justiça decreta prisão preventiva de homem que matou a ex-esposa e o cunhado

A Justiça acatou no início da noite desta quinta-feira (05) o pedido do Ministério Público para a prisão preventiva de Pedro Queiroz Gonçalves, que confessou ter matado a facadas ex-esposa,  Darc Souza Queiroz, o cunhado Abner Calebe, e de ter tentado contra a vida de Damaris Nascimento, que segue internada no Hospital Regional em estado grave.

O caso de crime hediondo gerou uma grande comoção na população patense e também na região. Diante da tragédia, o prefeito da cidade de Grajaú no Maranhão, onde mora a família das vítimas, decretou luto oficial de três dias. O velório aconteceu em Patos de Minas, atendendo pedido da reitoria do Unipam, instituição em que os irmãos estudavam.

Apos as verificações de todas as evidências e do autor ser ouvido pela Polícia Civil, veio a decisão. O Ministério Público em Patos de Minas fez o pedido de prisão preventiva, e o Poder Judiciário acatou a reinvindicação, decretando oficialmente o instrumento processual, que irá manter Pedro Queiroz no Presídio Sebastião Satiro.

Durante todo o dia muito se falou do fato de Pedro ser réu primário e de ter se entregado depois dos crimes, levantando se os questionamentos de que isso poderia implicar em atenuantes. Familiares do autor, no entanto, chegaram a afirmar que não iriam custear um advogado de defesa, devido ao grau de violência e frieza apresentado por ele. Horas depois do crime cometido, o homem continuou declarando que não se arrepende das mortes.

Compartilhe através do WhatsApp

Comentários

Os comentários não representam a opinião do portal
e são de responsabilidade do autor



Forte Acabamentos

  • Nossa FM
  • NTV
  • Instagram Nossa FM